Aqui no nosso site, já falamos um pouco sobre a teoria do condicionador sólido e nossos estudos sobre a importância das ceras catiônicas nas formulações. E nesse post, você vai aprender Como fazer condicionador sólido.
Depois de muitos estudos teóricos e testes, apresentamos nossa receita natural e vegana.
Nessa receita, trabalhamos com o Procondition (brassicamidopropyl dimethylamine), derivado de uma espécie de brócolis é um agente de condicionamento capilar catiônico quando neutralizado.
Também usamos o Olivem 1000, derivada do óleo de oliva, esta é uma cera emulsificante não iônica.

CONDICIONADOR SÓLIDO VEGANO
CONDICIONADOR SÓLIDO VEGANO

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
Luvas máscara.

UTENSÍLIOS
– Panela com água para banho maria 
– Dois potinhos de vidro ou inox
– Espátula
– Balança
– Molde

INGREDIENTES
22 g Procondition (comprei na Engetec)
3 g Ácido cítrico
13 g Olivem 1000
20 g Álcool cetílico
20 g Manteiga de cacau, manga e karité 
3 g Cera de Carnaúba
10 g Cocoamidopropil betaína 
4 g Óleo vegetal de Monoi (pode usar outro óleo de sua preferência)
2 g D-pantenol ou glicerina vegetal bi-destilada
1 g Nipaguard
1 g Óleo Essencial de Lavadin
1,5g de Água destilada

MODO DE PREPARO

  • Pese todos os ingredientes.
  • E separe-os, pode colocar o Procondition e o Olivem 1000 juntos em um recipiente.
  • Em outro recipiente coloque o álcool cetílico, a cera de carnaúba, as manteigas vegetais e o óleo de monoi.
  • Em outro, coloque o óleo essencial, o Nipaguard e o D-pantenol (mantenha coberto).
  • Derreta o Procondition e o Olivem 1000 em banho-maria.
  • Adicione o ácido cítrico já diluído em 1,5 g de água destilada.
  • Derreta os outros ingredientes.
  • Misture o Procondition e o Olivem 1000 com o álcool cetílico, com a cera, as manteigas e o óleo de monoi.
  • Adicione a betaína.
  • Depois de bem derretido, tire do fogo.
  • Adicione o óleo essencial, o Nipaguard e o D-pantenol.
  • Misture bem e coloque na forma.
  • Deixe endurecer completamente para desenformar.
  • Deixe descansar por 24 horas antes do uso.
  • Meça o pH – essa receita teve o pH 5. Caso altere os ingredientes, certifique-se de testar o pH e ajustá-o para próximo de 4 – 5.

INDICAÇÃO DE USO
Indicado para todos os de cabelo. Aplique no cabelo após o shampoo. Você pode finalizar com um creme pra pentear natural, com o gel de linhaça ou com algum óleo vegetal de sua preferência.

VALIDADE
Por ser um produto sólido e a receita conter conservante o condicionador tem a validade longa, podendo durar 1 ano.

Espero que vocês tenham gostado desse post, qualquer dúvida você pode deixar um comentário.

Assista o vídeo abaixo para você acompanhar o processo:

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

76 comentários sobre “Como fazer condicionador sólido?

  1. Boa noite meninas, obrigada por tanta dedicação em compartilhar seus conhecimentos. Uma dúvida: o álcool cetililico pode ser substituído pelo álcool cetoestearilico?

      1. Boa noite meninas! Mt obrigada pelo conteudo! Gostaria de saber se é possivel trocar o olivem 1000 pelo estearato de glicerila, obrigada!

  2. Boa noite meninas gratidão por compartilhar tanto conhecimento. Existe algum substituto parai Nipaguard? Não estou encontrando.

  3. Meninas o meu ficou “grosso” parece aquela pastilha para cabelo. Quando misturei o Procondition e Olivem com as manteigas, cera e óleo vegetal, ele ficou muito grosso. Tentei misturar, deixar em banho maria mas ficou igual.
    O que posso ter errado? O de vocês ficou assim alguma vez?

    1. O procondition/olivem tava na mesma temperatura dos óleos, manteiga e cera?
      A diferença de temperatura pode ter feito engrossar.
      Mas eu já percebi que depois que adiciono os ingredientes frios (conservante, OE e d-pantenol) a massa começa a endurecer bem rápido, tem que correr pra colocar na forma.

  4. Boa noite meninas, meu condicionador ficou “grosso” (parece o xampu em pastilha). Quando misturei o Procondition/Olivem já derretidos, com a mistura de manteigas, cera e óleo, ele ficou grosso. Vocês passaram por isso? Sabem onde errei ? Obrigada!

    1. O procondition/olivem tava na mesma temperatura dos óleos, manteiga e cera?
      A diferença de temperatura pode ter feito engrossar.
      Mas eu já percebi que depois que adiciono os ingredientes frios (conservante, OE e d-pantenol) a massa começa a endurecer bem rápido, tem que correr pra colocar na forma.

      1. O meu também ficou bem grosso, e percebi que foi na hora que coloquei o ácido cítrico. De repente não estava tão bem diluído ou foi porque dilui em água em temperatura ambiente.

  5. Olá! Primeiro, obrigada pela partilha de conhecimento, eu acho isso muito nobre!
    Tenho uma dúvida. No artigo passado sobre condicionador, recomenda-se que usemos a cera em 60% da fórmula, no entanto, aqui nessa receita, não tem tudo isso de porcentagem, correto? Essa alteração é possível exatamente pelo tipo de cera? Gostaria de entender 🙂
    Bjos

    1. Olá Ana. O artigo falava em 60 % de cera, porém na receita respeitei a margem de uso do Procondition – que é 22% e adicionei o olivem 1000 e a betaina para complementar. Então é isso mesmo que você disse, alteração foi por causa da cera

      1. Olá Daniella, não é possível pois eles exercem funções diferentes, a ORA é um antioxidante, ou seja, impede que os óleos rancifiquem e o Nipaguard é um conservante protege o produto de microorganismos.

      2. Se eu substituir o procondition, que está em falta, pelo emulsense tamém tenho que usar o olivem 1000 e a betaína? Grata

  6. Olá! Obrigada por compartilhar seus conhecimentos com a gente, vocês são absurdamente generosas <3
    Uma dúvida; quantos gramas ficou cada barrinha de condicionador?

      1. Vocês medem o pH em qual momento? imediatamente após fazer ou depois de desenformar e esperar as 24h de secagem?

      2. Eu medi depois de seco para confirmar. Mas eu já conhecia essa receita e já sabia que o pH estava balanceado. Quando estiver fazendo pela primeira vez, meça o pH antes de colocar na forminha, porque ainda dá tempo de corrigir 🙂

  7. Uso a btms aí queria adicionar a betaína também, gostaria de saber se nesse caso preciso retirar 10% da btms pra poder adicionar 10% de betaína.

    1. Olá, Leangel!

      Temos recebido algumas dúvidas com relação ao BTMS, por isso adquirimos esse insumo com o intuito de realizar mais testes e poder responder essas dúvidas.
      Tenha em mente que a betaina é liquida e o BTMS é sólido. Fazendo essa substituição você pode comprometer a dureza do seu produto.

  8. Queria agradecer primeiramente por todo esse saber partilhado. Obrigada e parabéns.
    Segundo eu gostaria de saber se o acido citrico pode ser substituido por outro tipo de ácido?

  9. Oi! Meninas, quero fazer uma quantidade maior, aí queria saber como calcular a porcentagem do ácido cítrico. De acordo com essa receita, entendi que é 13% da quantidade de ProCondition. Acertei? Obrigadaaaa

      1. Boa noite meninas! Mt obrigada pelo conteúdo, queria saber se é possivel trocar o olivem 1000 por estearato de glicerila, obrigada!

  10. Primeiro quero agradecer pelo conteúdo incrível de vcs, comecei a acompanhar recentemente e não vejo a hora de começar a testar, só tenho uma dúvida, nos ingredientes, está 20g de manteiga, e vocês usaram 3 tipo, essa quantidade, 20g, seria o total para os três tipos de manteiga? ou é 20g para cada tipo de manteiga? Obrigada

    1. Olá!
      Sim, você pode usar o armocare no lugar do procondition, eu nunca fiz essa substituição na prática, mas tentaria substituir pela mesma quantidade. O Olivem 1000 é um surfactante não-iônico que ajuda no condicionamento e na textura, se você tirar ele o condicionador vai ficar bem diferente.

  11. Olá, tudo bem? Gostaria de agradecer vocês por compartilhar todas essas informações, tenho estudado bastante a partir das receitas e me ajudou muito a entender mais sobre os ingredientes e processos. Ainda não tenho muito conhecimento e estou a procura de um substituto para o Olivem 1000, por conta do preço elevado. Achei o autoemulsionante não-iônico Polawax NF. Na descrição do site da Engetec diz que é uma base para sistemas do tipo O/A. Gostaria de saber se vocês podem me ajudar! Muito obrigada =)

    1. Olá, Mariana!
      A polawax NF seria um possível substituto pro Olivem 1000, se você não se importa com a questão dos ingredientes certificados. Porque a polawax não é aceita pela COSMOS/ECOCERT. Eu também não tive a oportunidade de trabalhar com ela, então não saberia dizer muito sobre desempenho e textura final. Eu só sei que tem muitos formuladores que eu acompanho que usam ela.

  12. Eu fiz só com o emulsen mesmo, o procondition está em falta no mercado, e não usei o ácido cítrico. O ph está dando 5,5. É um ph ruim? Se eu tivesse usado o ácido cítrico o ph abaixaria mais?

  13. Olá, sou nova na cosmética natural. Eu não consegui entender qual a função da betaína. Poderia me dizer por favor?

    1. Utilizado para aumentar a viscosidade em shampoos, sabonetes líquidos e outros produtos cosméticos, potencializa o poder espumante auxiliando na formação de uma espuma mais estável, rica e cremosa ao produto. Em produtos para a pele colabora na emoliência e melhorando o sensorial do produto.
      O Coco amido propril betaina, apresenta em sua molécula, caráter hidrófilo proveniente do grupo betaínico e lipófilo resultante da cadeia carbônica do ácido graxo de coco. Sendo uma betaína apresenta-se em forma de íon interno com um átomo de nitrogênio quaternário de carga positiva e um grupo acetato com carga negativa, que lhe proporcionam características de tensoativo anfótero.
      O Coco amido propril betaina é um excelente co-tensoativo, compatível com tensoativos aniônicos, catiônicos e não iônicos, favorecendo seu uso em formulações de shampoos, produtos para banho e cremes de limpeza.
      Em meio ácido o efeito condicionador é pronunciado, favorecendo sua aplicação em cremes rinses. Espessamento: Confere espessamento à formulação, reduzindo a quantidade necessária de eletrólitos para ajuste da viscosidade. Espuma: Aumenta o poder espumante de tensoativos aniônicos, proporcionando uma espuma mais rica e cremosa.

  14. Olá, Gratidão pela partilha.
    Fiquei com dúvida em relação a porcentagem usada nessa receita para o Procondition (22%). Na informação do fornecedor indica o uso para condicionadores enxaguáveis de 1 a 2%.
    Obrigada! Beijos

  15. Olá!Vcs usaram 22 grs de Procondition,
    mas o fornecedor manda usar 1 a 2% p produtos com enxágue.Não entendi.Podem me dizer?Aguardo.Obg.

    1. Olá, Daniele!
      Os fornecedores brasileiros indicam essa porcentagem de uso, mas quando entrei em contato com a inolex (fabricante) eles me enviaram uma receita de condicionador sólido que usava 24% de pro condition e disseram que não tinham nenhum report de que essa quantidade seria prejudicial.
      Normalmente, usamos essa quantidade pequena de 1 a 2% de procondition em produtos liquidos.
      Mas, nos sólidos, essa quantidade não faz nem cosquinha.

  16. Ola meninas! Tenho aprendido muito com vocês e agradeço muito tanta generosidade. gostaria de saber se posso substituir a cera de carnauba por manteiga de cacau ? caso não coloque corro risco de perder a formulação? comprei todos os insumos e esqueci da cera…..

    1. Olá, Su!

      Eu nunca testei essa substituição, mas como a quantidade da cera é bem pouquinha, acredito que não vai fazer uma diferença tão grande. Só corre o risco do condicionador ficar mais sensível ao calor.

  17. Obrigada! Pelo retorno mais dentro de algum tempo vou estar craque nisso. Comprei uma apostila de uma tal espiral de ervas conhecê? Kkkkk
    Bjs meninas

  18. Olá meninas! Fiz o teste da receita e quando tento diluir o acido citrico em agua no pro condition ele empelota. fiz um segundo teste aquecendo o acido citrico com agua junto com o pro condition em outro potinho ao lado, deixando ao mesmo tempo no fogo para atingir uma temperatura proxima, e mesmo assim empelotou, ainda insisti no fogo mas nao se desfez. Acham possivel colocar o acido citrico sem agua? nao consegui entender como o de vcs nao empelotou rs. Agradeço.

Deixe uma resposta