BASE GLICERINADA NATURAL E VEGANA

Muitas pessoas questionam a possibilidade de usar um sabonete pronto feito por cold ou hot process como base para a produção de outros sabonetes, porém derreter um sabonete e adicionar aditivos não garante que o resultado seja um sabão. Esse processo é conhecido como “Rebatching” e é utilizado a fim de consertar ou refazer alguma receita. Aqui ensinamos como fazer uma base glicerinada, que pode ser facilmente derretida e usada na produção de sabão.

A base glicerinada se diferencia, justamente por derreter mais rápido e precisar somente de aditivos finais para elaborar o sabonete. Muito utilizada no método Melt and Pour.

A grande praticidade dessa receita é que não precisa usar o Mixer!
E seu diferencial está no uso de dois ingredientes: e o álcool de cereais a Glicerina Vegetal. Estes facilitam o derretimento da base; em questão de poucos minutos a base estará derretida e já pode adicionar aditivos, como por exemplo: argilas e óleos essenciais.

Os óleos usados nessa receita serão o óleo de coco, o óleo de rícino e o óleo de palma. 
Com o intuito de aumentar a espuma dessa base usaremos também o açúcar que deixará a massa com um tom amarelado dependendo do tipo de açúcar que você usar.

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO

Luvasóculosmáscara, mangas e calças cumpridas

UTENSÍLIOS

Balança digital
Recipientes
Termômetro
Espátula
Forma de silicone
Panela de inox
Fogão elétrico

INGREDIENTES

140 g Óleo de Coco
40 g Óleo de Rícino
40 g Óleo de Palma
100 g Álcool de Cereais
50 g Glicerina Vegetal
33 g Soda Cáustica 97% ou mais
125 g Água destilada ou desmineralizada (sendo 60 para a solução de açúcar)
2 g de Óleoresina de alecrim
Solução de açúcar: 70 g de açúcar diluídos em 60 g de água desmineralizada.

PASSO A PASSO

  • Pese todos os ingredientes 
  • Misture a água e a soda cáustica, colocando sempre a soda na água, nunca o contrário.
  • Enquanto a soda esfria, dilua o açúcar (sem deixar virar calda)
  • Quebre o gelo do álcool colocando o recipiente na água quente.
  • Aqueça os óleos a 70 graus.
  • Misture o álcool com a soda (soda aproximadamente 45 graus)
  • Despeje a mistura de soda, água e álcool nos óleos.
MISTURA DE SODA, ÁGUA, ÁLCOOL E ÓLEO
  • Mexa delicadamente.
  • Pode ser que forme uns grumos, mas continue mexendo até ficar só espuma ( 3 a 5 minutos)
  • Ponha a panela no banho maria e lentamente coloque a mistura de açúcar. 
    (não deixe passar de 80º)
  • Mantenha mexendo por 5 minutos e depois retire da fonte de calor.
  • Adicione a glicerina vegetal (previamente aquecida em banho-maria) e a oleoresina de alecrim
  • Continue mexendo vagarosamente até o aspecto estar transparente.
  • Despeje no molde e aguarde endurecer. Aconselho colocar na geladeira e aguardar 24-48 horas.
  • Desenforme e guarde dentro de um plástico ou frasco de vidro bem vedado.
  • Não é preciso curar, depois de desinformar você pode derreter a base.


Espero que vocês tenham gostado desse post, qualquer dúvida você pode deixar um comentário.

Assista o vídeo abaixo para você acompanhar o processo:

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

63 comentários sobre “Como fazer base glicerinada?

  1. Bom dia. Meu nome é Vitorina. Comprei seu livro. Fascinante. Assistindo ao seu vídeo fiquei com a dúvida na concentração e no sobreengordurante. Poderia me dizer a porcentagem, pois estou formulando uns sabonetes para cada um da minha família. Todos tem características próprias.

  2. Estava há meses procurando essa receita! Muito obrigado! Trabalho excelente de vcs! Lindos processos.
    Só umas pequenas dúvidas:
    1-vcs colocaram oleo resina de alecrim e vit. E na mesma receita? Qual a quantidade de vit. E?
    2- E se adicionarmos o lactato de sódio nessa receita da base, qual seria a quantidade e em que momento do preparo?
    3- após o tempo de endurecimento e desenforme, é necessário um tempo de cura antes do armazenamento?

    Grato _/ \_

    Todas as bençãos possíveis para vcs! Fazer saboaria natural é um dos maiores atos de resistência e de construção de uma silenciosa, mas, finalmente, eficaz revolução.

    Lucas Bione

    1. Olá Lucas, obrigada pela confiança! Você tem toda razão, fazer os próprios produtos é um ato de resistência!!! 😀
      Vamos às suas dúvidas:
      1 – Usamos oleoresina de alecrim, 2 g
      2- 3% de lactato, pode colocar junto com a soda + água + álcool
      3- Não é necessário tempo de cura

      Abraços!

  3. Olá! Adorei a receita! Você usa oleoresina de alecrim como vitamina E? Pq no passo a passo não menciona o uso dela e sim da vitamina E apenas.. fiquei na dúvida se é a mesma coisa

  4. Gente, fiz a base. Aparentemente fica bem transparente e linda… e o cheiro de guaraná rsrs… mas se não colocar na geladeira não endurece nunca? Eu moro em Recife e está bem quente, sim… mas eu deixei por uns 2 dias fora da geladeira e ela nunca endureceu. Na próxima tentativa, vou pesquisar alguma porcentagem de lactato de sódio p ver se ajuda nesse endurecimento. Segundo o vídeo, vcs colocaram na geladeira depois de 8h, né? e deixaram quanto tempo na geladeira? As bases glicerinadas precisam de tempo de cura tb?

    1. Olá Lucas, se a temperatura estiver muito alta pode colocar a base na geladeira. Se você quiser adicionar o lactato pode adicionar 3% junto com a soda + água + álcool.
      Essa base não precisa de cura, assim que endurecer está pronta pra uso ou para ser armazenada em pote vedado.

  5. Boa noite, qual a função desse lactato?! Ele é necessário?! Posso fazer sem?? Gratidão!!
    Quero muito fazer um curso com vocês, seria possível??

    Gratidão

    1. O lactato deixa a receita mais fluida quando está quente e depois que esfria ele ajuda a endurecer. Pode fazer sem.
      Por enquanto não temos curso, estamos em fase de elaboração. Temos dois ebooks: um sobre cold process e outro sobre hot. Você pode adquiri-los na nossa loja online 😀

  6. Esses 3% de lactato de sódio seria em relação ao peso dos óleos? Desculpe, é que estou iniciando e tenho muitas dúvidas.

  7. Meninas, vcs são brilhantes! Obrigada por disponibilizarem o conteúdo. Vcs poderiam me responder algumas dúvidas?

    – existe uma porcentagem fixa de óleos saturados ou insaturados que eu possa usar como base da receita? tipo, posso mudar esses óleos que vcs colocaram aí?

    – até quanto de aditivos posso colocar (em relação à porcentagem de cada um deles)?

    valeu mesmo, vcs são demais =)

    1. Oi Ray, você pode mudar os óleos sim, alterar conforme seu gosto ou objetivo. Mas é MUITO IMPORTANTE, que qualquer alteração que você faça você passe sua receita na calculadora de sabão ok? A calculadora que indicamos é essa: https://calc.mendrulandia.es/?lg=pt
      e no nosso canal temos um vídeo no nosso canal ensinando passo a passo como utilizá-la.
      Alguns aditivos você encontra na calculadora, outros que não estiverem sugiro que use sua intuição 😀

  8. Oi!
    O sabonete feito com essa base espuma menos? E
    entre os processos a frio e a quente, tem diferença na espuma do sabonete?
    Obrigada!

  9. Olá, amo esse canal, sigo tem tempo e foi aqui que aprendi fazer os sabonetes todos, parabém e obrigada por compartilhar!!!
    Gostaria de saber se pode substituir o óleo de palma, pq aqui na Bahia, só acha o vermelho (dendê)? Se sim, por qual?

    1. Ola Sophia, tudo bem? que ótimo que conseguimos te orientar na saboaria, ela é mágica né? Obrigada pela confiança!
      Essa receita de base é muito específica, ainda não testamos nenhuma substituição, então não posso te afirmar com certeza qual seria o produto ideal para substituir o óleo de palma.

  10. Oi, adoro o trabalho de vocês e comecei a fazer meus sabonetes vendo os seus vídeos. Duas duvidas: é possível substituir o óleo de palma por algum outro?
    Aproveitando, no processo de cura dos sabonetes feitos com cold process, os sabonetes precisam ficar cobertos? Deixei um pano por cima, só pra não cair poeira….

    1. Olá Juliana. Na base glicerinada não recomendo substituir o óleo de palma porque é uma receita muito específica, não sabemos como fica o resultado final com alterações nessa fórmula.
      Nos sabonetes você pode acrescentar ácido esteárico, alguma manteiga ou cera para agregar dureza, mas precisará passar a receita na calculadora, porque vai afetar a quantidade de água e soda.
      Nós cobrimos os sabonetes com um pano de prato limpo para proteger da poeira.

  11. Marcela, outro dia você postou sobre um livro de cosmética natural que tinha acabado de receber. Qual o nome dele? O trabalho de vocês é nota 1000!!!!!

  12. opa, comprei o e-bbook de vcs de hotprocess ; ) gostei muito. Porem, pq nas receitas do livros, qndo vc faz tudo desde o inicio e dps de colocar na forma, pede tempo de cura e nessa base n ?

  13. Oi meninas tudo bem? Tenho algumas dúvidas, usando essa base como matéria-prima para sabonetes, eu devo passar na calculadora meus aditivos para enriquece-la? Ou seja, ela está sem muitos benefícios, afinal é uma base, se eu desejar derrete-la e acrescentar propriedades, seja O.Vs, O.Es, oleatos, tinturas e etc devo passar na calculadora? Ou é só acrescenta-los junto ao lactato de sódio que irá endurecer? Nesse caso o lactato de sódio entra como 3% na quantidade da receita de base e não depois dos aditivos?
    Espero que tenham me compreendido?
    Por que a base não precisa de cura? Esses 8 a 9 de PH podem ser modificados após a edição de propriedades?
    Agradeço muito

    1. Oi Lu, a calculadora é pra uso exclusivo dos métodos cold e hot process. O método de fazer sabonete com a base chama melt and pour, dá uma pesquisada que vai te ajudar com os aditivos finais.

  14. Olá meninas,

    gostaria de saber se rola fazer a base em forma de sabonete convencional, daquelas retangulares e compridas. Isso porque não tenho formas pequenas assim de silicone. Pensei em perguntar pra vcs antes de testar pra não perder a receita hehe.

    ah, e muito obrigada por realizarem esse trabalho lindo e educativo <3 os cosméticos naturais vão ganhar o mundo!

    abraços!

    1. Olá, Julia!
      Nunca testei fazer a base glicerinada na forma de madeira. Como receita fica mais suada, me pergunto se não vai grudar no papel manteiga.
      Pra ser bem sincera não sei responder, pode ser que não aconteça nada e você consiga desinformar.

  15. Olá, adoro as dicas. Onde moro não tenho acesso a álcool de cereais. Não encontro nem online e quando encontra-se os preços são altíssimos. Existe alguma forma de substituição na receita? Obrigada.

  16. Olá, meninas! Muito obrigada!! Foi a partir dos vídeos de vcs que pude fazer minha formulação de desodorante e fiquei super feliz! Depois comprei a apostila de cold de vcs, é mara! Eu li aqui os comentários e já tirei uma das dúvidas que era a quantidade total de água. Agradeço à mana que perguntou e a vcs que responderam. Eu testei como o colega Lucas, deixei 24h na geladeira mas tmb não endureceu. Então passei na calculadora mas a quantidade de água não bate…vcs poderiam nos ensinar o cálculo da água? Prq aí poderemos improvisar com outros óleos. De toda forma, muito obrigada por sempre partilhar conosco. Grande abraço!

    1. Olá, Ivana!
      A receita da base glicerinada é muito específica e não tem como calcular ela toda na calculadora.
      Para que a base seja fácil de derreter precisamos usar ingredientes que fogem da estrutura normal de um sabão Hot ou Cold.
      Esse calculo dá água que eu fiz foi com base nos meus testes mesmo.
      Uma dica, se sua base não está endurecendo, coloque ela em banho-maria por 15/20 minutos e depois coloque de volta no molde e deixe 48 horas na geladeira.
      Depois me conta se endureceu. um abraço

  17. Olá, sou muito fã de vcs por trazerem um conteudo tao rico em uma linguagem tao simples.
    Gostaria de saber porque nao precisa curar a base? E depois so sabonete pronto, precisa de cura?

    1. Oi, Tha!
      Como essa receita tem grande quantidade de álcool, ela acaba saponificando muito mais rápido do que um sabão normal.
      E não precisa curar o sabonete pronto, mas eu sempre gosto de deixar uns 2 dias respirando antes de embalar.

  18. Olá, conheci vcs há pouco e estou adorando.
    Por favor, poderia explicar a diferença entre o sabonete (pelo hot ou cold, tanto faz) e da base glicerinada?
    Entendo o sabonete como resultado da saponificação constituído de sabão + glicerina. E a base glicerinada, é só glicerina? também sofreu saponificação, né?

    Fiquei bastante confusa com isso.
    Gratidão!

      1. Muito obrigada!
        Vocês utilizam todos os óleos extra virgem? Ou usam algum refinado?
        Existe algum que não há tanta diferença se substituir pelo refinado nas receitas?
        Gratidão

      2. Todos os nossos produtos são extra virgem, o único que usamos refinado é o de palma mas ele é refinado mecanicamente, não usa solvente. Quando óleo é extravirgem ele é prensado a frio, então não se perde propriedades no processo, quando ele é refinado algumas partes se perdem e no processo pode haver aditivo de solvente.

  19. Fiquei com uma dúvida, peço desculpas se for algo bobo desde já… Vocês mencionam o uso de 3% de lactato de sódio, mas seriam 3% do que?

    1. Olá, Rosiane!
      Está tudo na receita:
      INGREDIENTES

      140 g Óleo de Coco
      40 g Óleo de Rícino
      40 g Óleo de Palma
      100 g Álcool de Cereais
      50 g Glicerina Vegetal
      >>>>>33 g Soda Cáustica 97% ou mais<<<<<< 125 g Água destilada ou desmineralizada (sendo 60 para a solução de açúcar) 2 g de Óleoresina de alecrim Solução de açúcar: 70 g de açúcar diluídos em 60 g de água desmineralizada.

  20. Olá, meninas! Td bem? Fiz a base e ficou ótima… muito obrigada.
    Agora quero usá-la para produção de outros sabonetes, no caso de adicionar um extrato pode ser tanto extrato aquoso quanto oleoso?
    Aguardo.
    Grata

    1. Você pode adicionar o extrato da sua preferência, mas lembre-se que deve ser em pequenas quantidades para que não abale a estrutura do sabão. Recomendo começar com 5% e aumentar aos poucos de acordo com o comportamento da base.

Deixe uma resposta