A Espiral de Ervas é apaixonada por hidratantes corporais. Já ensinamos receitas de creme corporal, de óleos corporais e de hidratante sólido. E agora vamos ensinar como fazer um hidratante corporal a base de água

Essa receita tem 80% da sua composição de água, usamos água destilada para garantir a pureza. Sendo assim precisamos usar o Olivem 1000, surfactante não iônico, para conseguir emulsionar a água com o óleo e a manteiga vegetal. Além de emulsionar, o Olivem tem um resultado incrível na pele. E o melhor de tudo é que usaremos uma quantidade pequena, apenas 4%.

Dividimos a receita em 3 fases, e a colocamos em porcentagem também para facilitar a adaptação para determinada quantidade desejada.

MATERIAIS NECESSÁRIOS
– Recipientes
– Panela ou chapa para banho maria
Termômetro infravermelho
Mixer
Balança

INGREDIENTES

FASE 1
162 g Água destilada (81%)
4 g Glicerina Vegetal Bi destilada (2%)
4 g Babosa/Aloe Vera (2%) 

FASE 2
8 g Olivem 1000 (4%)
4 g Manteiga de manga (2%) – pode substituir por outra manteiga vegetal
4 g Oleato de Calêndula (2%) – pode substituir por outro óleo vegetal
6 g Álcool cetílico (3%)
2 g Cera de carnaúba (1%) – pode substituir por outra cera

FASE 3
1 g Nipaguard (0,5%)
3 g Hidrolato (1,5%)
2 g Óleos essenciais (1,2 de lavadin + 0,4 de ylang ylang + 0,4 de patchouli) (1%) – opcional

RENDIMENTO
Total: 200 gramas

PASSO A PASSO

  • Pese todos os ingredientes, separadamente e depois junte os conforme as fases.
  • Aqueça em banho maria as fases 1 e 2.
  • Quando a fase 2 derreter por completo, permaneça com em banho maria por mais 5 minutos. A temperatura deve ficar em torno de 70 graus.
  • Misture as fases 1 e 2 e bata vigorosamente com o mixer, até a emulsão começar a engrossar.
bater com o mixer
Bater com o mixer
  • Adicione a fase 3 e bata novamente.
  • Armazene em frasco limpo e esterilizado.
  • Conservar protegido da luz solar e do calor.

Validade: 6 meses

Espero que vocês tenham gostado desse post, qualquer dúvida você pode deixar um comentário.

Assista o vídeo abaixo para você acompanhar o processo:

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

40 comentários sobre “Hidratante corporal à base de água

  1. Olá meninas,
    Um prazer acompanhar o blog e os vídeos de vcs!!! Como eu já disse em outra ocasião, estou num processo de mudança de vida e vcs estão me auxiliando muito nestas transformações.
    Fiquei muito interessada em fazer este hidratante, é possível fazê-lo sem nenhum tipo de cera?
    Muito obrigada por compartilhar conhecimentos.
    Beijo em vcs duas!!!

  2. Bom dia. Posso substituir o álcool cetílico pelo álcool cetoestearílico ?

    É o nipaguard pelo sorbato de potássio e o benzoato de sódio ? Em qual fase os adiciono ? Vou comprá- los em forma em grãos. Vi que vende os dois juntos também na fase líquida.

  3. Oi meninas, amei a receita e ela é um sucesso na minha lojinha de cosméticos naturais. Porém, eu, geralmente, não aqueço a fase 1, deve ser por isso que ficam pequenos grãos? Abraços!

    1. Olá, Júlia!
      Eu também amo essa receita 😀
      Sim, muito provavelmente ficam esse grãos porque quando você mistura as fases dá um choque de temperatura e os ingredientes mais sensíveis ao frio endurecem de imediato.

  4. Olá!! Adorei essa receita e já fiz duas vezes…e percebi que uma ficou mais firme, uma textura perfeita e a outra mais aerada. O que será que aconteceu ?

  5. Oii!! Essa receita mantém a mesma cremosidade em diferentes temperaturas? Ou a textura muda significativamente com o clima?

    1. Oi! Aqui é a Thais da Equipe do Espiral de Ervas, a textura sempre acaba mudando um pouco de acordo com o clima. Por experiência própria, eu moro no interior do Rio Grande do Sul, agora no inverno tem noites marcando temperaturas negativas, e meus cremes e ceras estão super duros, eu acabo formulando cremes e loções mais fluídas. No verão, tem dias que marca na faixa de 42, 44 graus, uso as manteigas mais cremosas. Mas aqui vai de temperaturas negativas até forno né? Em locais com climas mais amenos não é significativa a mudança de sensorial. Qdo eu morava no RJ MG e SP não notava alterações. Beijos

  6. Olá meninas, como estão?
    Muito obrigada por essa receita maravilhosa, dá até vontade de comer hahaha
    Queria saber se no caso de deixar a receita mais flúida, poderia tirar a cera de carnaúba, diminuir a quantidade de álcool cetílico para 1% e compensar em uma quantidade maior de líquido que ficaria um total de 86%.
    Vocês acham que daria bom ou poderia desandar a massa?

    Beijão <3

Deixe uma resposta