A diferença entre os sabonetes feitos pelo cold e hot process e o sabonete líquido está no uso da POTASSA CÁUSTICA ao invés da soda cáustica. Nesse post ensinamos uma base para sabonete líquido bem simples.

A primeira coisa que vocês devem saber sobre o sabonete liquido é que o superfat (sobreengordurante) não é usado da mesma forma. Enquanto, na maioria dos sabonetes em barra, a gente usa o superfat entre 5 – 10%, no sabonete líquido não passaremos de 3%. Isso, porque o sabonete liquido se comporta diferente e se você exagerar no superfat o sabonete pode separar ou ficar com um aspecto estranho.

É possível fazer o sabonete líquido usando apenas a potassa cáustica, porém eu optei por usar uma mistura de alcalis onde usamos 80% potassa e 20% soda. Além disso, usei a concentração de soda/potassa a 37%.

Observação importante!

A previsão de mistura dada pela calculadora mendrulândia no sabonete líquido não funciona da mesma forma que para o sabonete em barra. Por isso, é um pouco mais difícil elaborar uma formulação do zero. Caso decida fazer sua própria receita, priorize trabalhar com os óleos de oliva, coco e rícino, isso aumentará sua chance de fazer uma receita bem sucedida.

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO
Luvasóculosmáscara, mangas e calças cumpridas

UTENSÍLIOS
→ Balança
→ Mixer
Mini mixer
→ Panela de aço inox
→ Recipiente de polipropileno
→ Colher de aço
→ Espátula
→ Termômetro Infravermelho
→ Fita de pH

INGREDIENTES
214 g Óleo de Oliva
92 g Óleo de coco
100 g Água destilada ou desmineralizada (água da torneira filtrada fervida pode ser usada, mas o sabão não ficará tão translúcido)
50 g Potassa Cáustica (comprei no mercado livre)
9 g Soda Cáustica
37 g Glicerina Vegetal (deixa o sabonete mais fácil de diluir e mais gentil com a pele)
10 g Lactato de sódio (opcional – adicionar na água)

PASSO A PASSO

  1. Pese todos os ingredientes
  2. Esquente os óleos até aproximadamente 110º
  3. Diluir a potassa e a soda cáustica na água destilada, e não esperar esfriar. A temperatura fica em torno de 80º
  4. Despeje a solução de potassa e soda nos óleos. Mexa com o mixer até chegar ao trace.
  5. Caso a temperatura caia, volte com a massa para o fogão para atingir 100º novamente
  6. Quando a massa começar a ficar mais pegajosa, tampe e espere o vulcão subir
    * Nesse caso, o vulcão fica bem menor (99º)
  7. Mexa com o mixer por mais alguns segundos.
  8. Tampe e espere.
MUDANÇA DE TEXTURA
MUDANÇA DE TEXTURA
  • Mexa, e perceba a aparência da massa que deve ficar mais esbranquiçada.
  • A aparência de gel e a temperatura caindo são sinais de que a saponificação está finalizando.
  • Faça o teste de pH, deve estar entre 8 e 10.
BASE DE SABONETE LÍQUIDO
BASE DE SABONETE LÍQUIDO
  • Aguarde um pouco antes de fazer a diluição. Espere a massa esfriar completamente.
  • Dilua 50% da base em 50% de água destilada.
  • Não precisa misturar para diluir, apenas espere a diluição ser completa.
  • Após a diluição é necessário adicionar um conservante (0,8%) capaz de sobreviver ao pH alcalino do sabonete. (Eu usei o Spectrastast, mas a faixa de pH dele é só até 8, ainda não encontrei outro conservante certificado que tenha um alcance maior.)

    Tempo para o cozimento da base: 15 minutos
    Tempo total de preparo: 30 minutos
    Tempo médio de diluição da pasta em sabonete liquido: 2 dias

Esperamos que você tenha gostado desse post, qualquer dúvida você pode deixar um comentário.

Assista o vídeo abaixo para você acompanhar o processo:

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

9 comentários sobre “Base para sabonete líquido

    1. Oi, Jess!
      Você pode diluir com o chá sim, mas tenha em mente que quando usamos o chá incluimos microparticulas organicas que podem diminuir a validade do produto. Minha professora de cosmética capilar é bem incisiva quando o assunto é colocar chá e argila nos produtos, fala sempre que prejudica/dificulta a conservação. Portanto, atualmente, eu tenho evitado de usar chá. Recomendo que vicê use ao invés do chá um hidrolato.

  1. Muuito obrigada pela receita! Pode ser usado como detergente? Se sim nesse caso, o líquido é feito a diluição e naquele que é pastoso usa-se só a base ne?

Deixe uma resposta