Sem dúvida uma das perguntas mais frequentes que recebemos é se podem substituir um óleo por outro pois em alguns lugares é difícil encontrar determinado óleo. Então pensando nisso resolvemos fazer comparação principalmente entre sabonete de óleo de oliva, bem como óleo de girassol de mercado e óleo de girassol prensado a frio. Com o fim de testar a comparação, fizemos as três receitas da mesma forma, com as mesmas quantidades.

Dessa forma, para que a competição não ficasse tão desleal acrescentamos uma porcentagem de óleo de coco (37%), já que o índice de iodo do sabonete feito apenas com óleo de girassol que seria em torno de 122. Enquanto que o 100% Oliva tem iodo 78.

Sabemos que essa adição interfere diretamente no potencial de limpeza do sabonete, visto que o óleo de coco tem uma alta concentração de ácido láurico. Mas mesmo assim, ainda conseguimos saber qual dos óleos combina com o óleo de coco, aproveitando o potencial de limpeza sem ressecar a pele.

Perfil de ácidos graxos Oliva X Girassol

Composição de Ácidos Graxos do óleo de Girassol:

Oleico 15-19%  
Linoleico59-68%
Mirístico 0.1%    
Palmitoleico 0.1% 
Esteárico 3 – 5 %  
Linolênico 4-6 % 
Índice de saponificação0,191
Perfil de ácidos graxos do óleo de girassol

O óleo de girassol, exceto pela sua versão alto oléico, tem um altíssimo índice de ácido linoleico e por isso, tem uma tendência maior a oxidar, ou seja, o índice de iodo do sabonete 100% girassol é altíssimo. 

Composição de Ácidos Graxos do óleo de Oliva:

Oleico 70-75%
Linoleico 7-9%  
Palmítico 12-15%
Linolênico 0,5%
Esteárico 2-5 %
Índice de saponificação0,192
Perfil de ácidos graxos do óleo de oliva

Passo a passo das receitas do sabonete de oliva e girassol:

EQUIPAMENTOS DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL:

Luvasóculosmáscara e mangas e calças compridas.

UTENSÍLIOS:

1) Caneca de aço inox com tampa (pode ser de vidro)
2) Chapa de banho-maria ( ou panela maior com água)
3) Espátula
4) Balança digital
5) Mixer
6) Termômetro (utilizei o infravermelho)
7) Recipiente de polipropileno para mistura a soda
8) Colher de Aço
9) Recipiente com água e vinagre para neutralizar seus utensílios após o uso
10) Fitas de pH ou pHmetro digital
11) Recipiente para enformar os sabonetes:

sabonete Oliva e coco:

1) 126 g de Azeite de oliva
2) 76 g Óleo de Coco
3) 29 g de Soda Cáustica
4) 64 g de Água Destilada

6% sobreengordurante
31% concentração

IODO: 52

Método: Hot Process de Bancada
Aditivo: 3 gotas de óleo essencial de cravo

sabonete girassol PRENSADO A FRIO E COCO

1) 126 g de Óleo de girassol prensado a frio
2) 76 g Óleo de Coco
3) 29 g de Soda Cáustica
4) 64 g de Água Destilada

6% sobreengordurante
31% concentração

IODO: 86

Método: Hot Process de Bancada
Aditivo: 3 gotas de óleo essencial de cravo

sabonete girassol PARA COZINHA E COCO

1) 126 g de Óleo de girassol para cozinha (ou seja, refinado)
2) 76 g Óleo de Coco
3) 29 g de Soda Cáustica
4) 64 g de Água Destilada

6% sobreengordurante
31% concentração

IODO: 86

Método: Hot Process de Bancada
Aditivo: 3 gotas de óleo essencial de cravo

Sobre outras experiências:

Sob o mesmo ponto de vista, se você tiver curiosidade em ver a experiência de uma saboeira que testou vários sabonetes feito com um óleo só, confira no link http://www.zensoaps.com/singleoil.htm – está em inglês, mas é possivel de ser traduzido no google tradutor. 

Nesse sentido, outra saboeira teve uma experiência um pouco diferente, então vale a pena conferir também: https://www.soapqueen.com/bath-and-body-tutorials/tips-and-tricks/single-oil-cold-process-soap-lather-tests/

Avaliação de pH entre o sabonete de oliva e girassol:

Logo após a finalização da receita, fizemos o teste de ph conforme mostra as fotos abaixo e o pH de todos os três sabonetes inegavelmente testou a mesma coisa:

ph sabonetes oliva, girassol prensado a frio e refinado
Comparação do pH

Avaliação da aparência:

Primeiramente o sabonete de Oliva ficou com coloração esverdeada. Por outro lado o de Girassol prensado a frio ficou levemente amarelo e por fim o de Girassol refinado de fritura ficou com a cor branca.

cor sabonete oliva e girassol
Comparação da cor entre os sabonetes.
Da esquerda para direita:, ou seja, Girassol refinado de cozinha, oliva, girassol prensado a frio)
resistencia dos sabonetes de oliva e girassol prensado a frio e refinado
Ao molhar, como fica a resistência de cada sabonete
vulcão sabonetes de oliva, girassol prensado a frio e girassol refinado
Aspecto dos vulcões de cada sabonete

Avaliação da espuma logo após desenformar:

espuma sabonetes oliva e girassol

Avaliação de dureza:

Como resultado final colocamos em ordem do sabão mais duro pra menos duro:

Oliva > Girassol prensado a frio > Girassol refinado de fritura

Avaliação da sensação na pele:

Em primeiro lugar o sabonete de oliva não só limpa de forma suave como também mantém a pele hidratada.
Em segundo lugar o sabonete de girassol prensado a frio limpa mais rápido que o primeiro (oliva) mas a pele fica mais seca do que no uso do primeiro sabão.
Por conseguinte o terceiro sabonete (girassol de cozinha) limpa ainda mais rápido que o segundo, no entanto foi o que deixou a pele mais ressecada de todos os três.
Em conclusão, o sabonete de oliva demora mais para efetuar a limpeza porém preserva melhor a integridade da pele. Contudo o terceiro sabonete limpa rapidamente mas não conserva bem a estrutura da pele e o segundo sabão fica no meio termo entre o primeiro e o segundo.

Durabilidade:

É sabido que a durabilidade do sabonete de girassol é menor que o sabonete de oliva já que o de girassol conta com um alto índice de iodo. Contudo, até a data deste post, nenhum dos sabonetes apresentaram sintomas de rancificação embora já tenha passado quase 2 meses desde que foram feitos.

Então, gostou da comparação entre os três tipos de óleo? Por acaso tem curiosidade em ver mais tipos de comparação assim? Só para ilustrar, também temos receita de Sabonete com Iogurte no Hot process Fluido e Sabonete de Laranja e Alecrim também no Hot process no balde.

Por fim, assista o vídeo para acompanhar o processo:

Em suma, esperamos que você tenha gostado desse post e qualquer dúvida ou sugestão você pode deixar um comentário.

Então a gente se vê no próximo post! Até lá.

Por Marcella Lemos e Ana Velho.

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

Deixe uma resposta