Olá, no post de hoje resolvemos testar um experimento que nos propusemos a fazer em outro post: criar uma Régua Caseira para decorar Sabonetes. A fim de testarmos a efetividade da nossa régua, faremos um Cold Process.

Régua de Sabonete?

Recentemente fizemos um sabonete utilizando uma Régua de Acrílico no formato de Nuvem que compramos com a Paula Barretto do @_meusabao. Você perdeu esse post? Confira ele aqui.

A régua para sabonete possui desenhos moldados na extremidade e ao passar pela massa de Cold Process deixa o padrão marcado em alto e baixo relevo. A saber, é uma ótima opção para decorar sabonetes, fácil de marcar e deixa a barra uniforme.

Decidimos então, elaborar nossa própria Régua Caseira para Sabonetes por dois motivos. Em primeiro lugar, as dimensões que a Paula utiliza em suas réguas são diferentes das que usamos em nossas formas de sabonete. Além disso, decidimos tentar algo novo também pela liberdade criativa de ter padrões que combinem com a marca. 

Régua para Sabonetes

O material que escolhemos foi o papelão, pois ele é um material fácil de encontrar e com a dureza necessária para marcar a massa. Obviamente essa escolha faz com que a régua não seja tão durável, mas como diz o Chorão cada escolha é uma renúncia, isso é a vida… Sempre lutando para se recompor! kkkkkkkk

O primeiro passo portanto é escolher o tipo de papelão, pois existem vários tipos e é importante que ele seja firme e fino. Caso você pegue o papelão em algum estabelecimento comercial, será necessário deixar o papelão isolado por 24 horas, que é o tempo que o Corona Vírus sobrevive nesse material de acordo com a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

Utilizaremos nossa Forma de Madeira como parâmetro para esse passo a passo e suas dimensões internas são: 7,5 (largura)  x  6,5 (profundidade)  x 25,5 cm (comprimento). Então, nossos sabonetes terão aproximadamente 7,5 x  6,5 cm se ocuparem a forma até o topo.

Como fazer a Régua para Sabonetes

Primeiramente você deve ter em mente um desenho que deseja ter impresso no seu sabonete. Após definir o(s) modelo(s), recorte uma parte da caixa para facilitar a marcação da régua, escolha uma aba reta e sem dobras. Faça então a marcação do desenho no papelão. Ao marcar, prefira deixar os veios internos do papelão no sentido vertical.

Marcação do Desenho
Marcação do Desenho

Para cortar nós utilizamos um estilete de precisão, em alguns casos a tesoura serve também, vai depender se suas formas são mais retas ou orgânicas.

Certamente, recomendamos o estilete. Observe a seguir a diferença do acabamento de corte com tesoura e com estilete.

Prossiga com o corte das réguas individuais, e com o recorte do desenho que deseja marcar no seu sabonete. Fizemos marcações a cada meio centímetro, e com uma marcação de um centímetro de profundidade para dar o efeito de zigue zague. Posteriormente é só ligar os pontos e terá seu padrão pronto. Assista ao vídeo no final do post a fim de obter melhores detalhes.

Após cortar, revestimos a régua com Durex de Kraft ou qualquer um que você tenha. Isso vai aumentar a durabilidade do molde e possibilita sua limpeza e reutilização. Recorte por dentro dos detalhes do desenho também, com cuidado para não estragar a base da régua.

E então, esse foi o resultado parcial do feitio da nossa régua para sabonetes.

Receita / Fórmula do Sabonete Cold Process

165 g de Azeite de Oliva

100 g de Óleo de Coco

100 g de Manteiga de Karité

51 g de Soda Cáustica   

123 g de Água Destilada

1,82 g de Oleoresina de Alecrim (0,5% dos óleos)

7,3 g de Lactato de Sódio (opcional)

Utilizamos essa mesma fórmula para fazer o Sabonete Camuflado com Saco de Confeiteiro, pois a régua só funciona se o sabonete estiver com o traço bem firme. Para saber se o traço está adequado, passe a régua dentro da massa e veja se o padrão se mantém.

Traço bem firme
Traço bem firme

Como o intuito desse post não é mostrar a técnica do Cold Process e sim de elaboração da régua, não teremos esse passo a passo, porém no nosso Canal do YouTube temos uma playlist enorme com muito conteúdo sobre esse tema. Confira nossa Playlist de Cold Process aqui.

Detalhes sobre o uso da Régua para Sabonetes

Antes de fazer a massa de sabonete, teste a régua para ver se ficou realmente adequada ao tamanho da forma, e ajuste se necessário.

Tão importante quanto garantir que a régua está ok, é estar protegida. Use seus EPI´s, e veja o conteúdo que fizemos sobre Boas Práticas de Higiene.

Uso correto dos EPI´s
Uso correto dos EPI´s

Apesar de ser simples, esse processo exige coordenação motora para manter a mesma altura em toda a barra. Vá fazendo aos poucos e retirando o excesso de massa da régua. Esse processo deve ser repetido até que o padrão fique bem delineado na forma.

É necessário considerar que a régua tem uma vida útil pequena, é necessário avaliar se ela está intacta e fazer uma nova quando necessário.

Passo a passo do Design de Massa

Primeiramente separe as massas que serão usadas por cima e por baixo da régua. Pigmente de acordo com sua criatividade. Despeje então a primeira camada na forma e assente bem a massa.

Primeira camada
Primeira camada

Coloque a régua em uma das pontas da forma, e espete para que todo o desenho fique para dentro da massa. Corra a régua suavemente na horizontal, para que o desenho seja impresso na massa, tomando cuidado para não afundar ou levantar a régua. Repita esse procedimento quantas vezes forem necessárias até que o resultado obtido seja o esperado.

Prossiga com a limpeza da ponta final da forma.

Se por acaso sua massa endurecer demais como aconteceu com a nossa, acrescente um pouco de leite ou iogurte de coco para ajudar a fluidificar a massa.

Adicione com cuidado a massa por cima da primeira cama desenhada, para que não deforme o desenho. Bata a massa na forma, mas não com muita forma para não amassar por dentro do desenho e alise por cima com uma espátula.

Passe então novamente a régua no topo se desejar. Caso opte por não correr novamente a régua, finalize como desejar. Aguarde entre 24 e 48h para desenformar seu sabonete.

Prossiga com a limpeza da régua com papel toalha para retirar o excesso de sabonete e garantir uma melhor durabilidade da sua régua.

Resultado Final

Por fim, esse é o resultado do nosso sabonete padrão Zigue Zague. Ficou muito bonito, e apesar de termos tido um pouco de dificuldade com o traço, gostamos muito do resultado final.

Assista ao vídeo que fizemos mostrando todo o passo a passo e com algumas dicas adicionais da Ana para controlar melhor a massa:

E então, o que você achou da nossa Régua para Sabonetes? Quer que a gente traga mais conteúdos como esse? O que acha de trazermos réguas de montanhas? Se você trabalha bem com régua para sabonete, nos deixe dicas para aprimorarmos nossa técnica.

A escolha do desenho é livre, solte a criatividade e se fizer uma régua personalizada, não se esqueça de marcar nosso perfil do Instagram para vermos o seu resultado @espiraldeervas!

Em suma, tomara que você tenha gostado desse post e qualquer dúvida ou sugestão é só deixar um comentário.

Enfim, a gente se vê no próximo post! Até lá. 

Por Marcella Lemos e Ana Velho.

Publicado por:Espiral de Ervas

Por Equipe Espiral de Ervas

Um comentário sobre ldquo;Como fazer Régua para Sabonetes Artesanais – Modelo zigue zague.

Deixe uma resposta