Olá, hoje falaremos sobre os motivos de o sabonete transpirar durante o período de cura (secagem). Afinal de contas, porque o Sabonete Natural fica “suado” em clima úmido?

Seu Sabonete Natural fica “Suado”?

O Sabão não sua de fato. Na verdade, o que acontece é o oposto da transpiração. Mas pode parecer que transpira. E esse suor pode ter a aparência de lágrimas ou a formação de um pó ou névoa cristalina. Primeiramente, esse fenômeno é conhecido como Orvalho de Glicerina que vem da tradução do termo “Glycerin Drew” .

Orvalho de Glicerina
Orvalho de Glicerina – Foto da seguidora Camila Souza que mora em Portugal

Sabemos que um dos produtos naturais do processo de saponificação é a Glicerina. A esse respeito, todo sabão verdadeiro é sabão de glicerina, mas não da maneira como esse termo é comumente usado. A glicerina se qualifica como um umectante, uma substância que atrai e retém a umidade sob a superfície por meio da absorção. O sabão natural, com sua glicerina retida, pode então atrair umidade devido ao clima ou ao local de armazenamento. 

Quando dizemos que é oposto de transpiração é porque trata-se da umidade do ar que a glicerina atrai, não umidade vinda de dentro do sabonete. Quanto mais úmido o ambiente e mais umectantes (glicerina) no sabão, maior a probabilidade de você experimentar esse fenômeno.

Gotas na Lateral
Gotas na Lateral

Período de Chuvas e Aumento da Umidade

Citamos então, algumas percepções que tivemos com o aumento da umidade relativa do ar a seguir

  • Todos os sabonetes que já estavam curados, mas ainda estavam na prateleira sem serem embalados, atraíram água em diferentes proporções, exceto o sabonete 100% coco com 1% de sobreengordurante que estava sequinho.
  • Um Cold Process que ainda está em sua terceira semana de cura praticamente não molhou
  • Os sabonetes que já estavam embalados em celulose não molharam ou molharam muito pouco.
  • O sabonete 100% Oliva e outros com um perfil de ácidos mais insaturados suaram mais com relação aos demais. 
  • Colocamos o ventilador em cima dos sabonetes que já estavam molhados durante 5 dias e eventualmente eles secaram. Ao mesmo tempo que umidade diminuiu um pouco, portanto acreditamos que foi a soma das suas coisas.
Fica melecado ao toque!
Fica melecado ao toque!

Dicas para combater esse problema

Pronto, agora que você já entende melhor o que se passa, e qual é o motivo de isso acontecer, podemos pensar em algumas formas de evitar que o sabonete sofra com esse problema.

  1. Após curar o sabonete, embale-o individualmente. Usamos celulose permeável (celofane vegetal), que permite que o sabonete troque com o ambiente, mas ainda sim ele foi capaz de minimizar muito o suor. 
  2. Utilize um desumidificador de ambiente.
  3. Utilize um copo de sal, arroz, vermiculita (jardinagem) ou outra substância que tenha potencial de puxar o excesso de umidade pra si. 
  4. Um ventilador direcionado para os sabonetes facilita a secagem. 
  5. Algumas saboeiras nos sugeriram fazer saquinhos de um tecido como filó ou voil (voal) com Areia Sanitária para Gatos, aquela de sílica sabe? Achamos interessante a idéia.
  6. Outra sugestão foi passar um pouco de Amido de Milho enquanto ainda estão secos, como se estivesse passando pó compacto no Sabonete! Diferente né?

Por fim, assista também ao vídeo que gravamos sobre esse tema:

E você? Teus Sabonetes Naturais também tem sofrido com o excesso de umidade no ar? Já aconteceu isso com você? Tem alguma sugestão diferente para compartilhar? Deixa um comentário pra gente que vamos adorar saber tua experiência.

É novo na Saboaria? Confira as dicas que demos no post 5 coisas que aprendemos em 5 anos de Saboaria, e no post Cold ou Hot: Qual é o melhor método?

Em suma, esperamos que você tenha gostado desse post e qualquer dúvida ou sugestão você pode deixar um comentário.

Então a gente se vê no próximo post! Até lá.

Por Marcella Lemos e Ana Velho.

Referência Bibliográfica

Chagrin Valley Soap & Salve. Why does Natural Soap Sweat in Humid Weather?. Acesso em: 20 janeiro 2021.

Publicado por:Espiral de Ervas

feito por Marcella Lemos e Ana Velho

2 comentários sobre “Porque o Sabonete Natural fica “suado” em clima úmido?

  1. Primeiramente, parabéns pelo trabalho de vocês!

    Com a alta umidade desse início de ano, alguns sabonetes feitos pelo método cold process “macharam” a embalagem (papel kraft).

    Pela experiência de vocês, isso impacta na validade e/ou na rancificação dos sabonetes?

Deixe uma resposta